domingo, junho 01, 2008

Indecente Amor


Quando deixares de me amar,

não sejas relapso...avise.

Talvez demore ou não,

mas mesmo assim avise.



Loucuras nesses momentos,

desenhados com multicor.

Tudo se desalinha,

impregnado de amor.


Amor macio e indecente,

nos tragamos e deliciamos.

Amantes marotos

...nos acabamos!



Sandra Almeida

Nenhum comentário: